domingo, 21/07/2024

Campo Grande sedia 2º Congresso Nacional e Estadual Mulheres pela Paridade.

Nos dias 27 e 28 de junho, Campo Grande vai sediar o 2º Congresso Nacional e Estadual Mulheres pela Paridade (COMPAR). O evento é organizado pelo Fórum Permanente pela Paridade Institucional e Política das Mulheres e correalizado pela Prefeitura Municipal, através da Subsecretaria Municipal de Políticas para as Mulheres (Semu). Com o tema “Igualdade, Paridade e Democracia”, nesta edição o congresso visa ampliar o diálogo e fomentar iniciativas associadas a paridade e igualdade de gênero na sociedade.

O COMPAR será realizado no Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camillo, com painéis e palestras no período matutino e vespertino, contando com a presença de especialistas renomados que compartilharão a sua visão sobre os mais variados temas associados a equidade e paridade.

Outro destaque especial desta edição será a realização do 1º Evento Científico, marcado para o dia 26 de junho, em parceria com a Faculdade Insted. Para a submissão serão aceitos resumos que se enquadrem em um dos quatro eixos, quais sejam: Eixo I: A mulher nos espaços de poder contemporâneo; Eixo II: Feminismo, gênero e políticas públicas; Eixo III: Historicidade, ciência e pesquisa: a construção da mulher brasileira e Eixo IV: Conquistas e desafios no direito e desafios no direito das mulheres.

Os participantes terão a oportunidade de escolher entre duas modalidades de participação: o evento acadêmico, que inclui apresentações de trabalhos, e o evento cultural, composto por palestras e painéis.
Os interessados poderão se inscrever em uma ou ambas as modalidades, conforme suas preferências e interesses individuais. As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas por meio do endereço eletrônico: https://shre.ink/Doitycompar . As vagas são limitadas.

Mais informações podem ser obtidas através dos telefones (67) 3201-5999 (INSTED evento científico) (67) 2020-1280 (SEMU – evento cultural).

Programação

Primeiro dia – 27 de junho

8h00 – Credenciamento;

8h30 – Solenidade de abertura;

10h00 – Palestra Magna: Soraya Santos – Deputada Federal e Procuradora da Mulher na Câmara dos Deputados;

11h00 – Coffee Break e Intervalo de Almoço (Livre);

13h30 – Painel 1 “Impactos da Presença de Mulheres nos Setores de Infraestrutura, Tecnologia, Empreendedorismo e Carreiras Públicas” Mediadora: Sandra Amarilha – Diretora Técnica do Sebrae/MS

Painelistas: Milene Cunha – Conselheira Substituta do Tribunal de Contas do Estado do Pará e Presidente da Associação Nacional dos Ministros e Conselheiros Substitutos dos Tribunais de Contas;

Marcia Martini – Diretora e co-fundadora do grupo Infra Woman;

Janete Ana Ribeiro Vaz – Co-fundadora e vice-presidente do Conselho do Grupo Sabin;

14h45 – Coffee Break e Lançamento do Livro ELLAS da coordenadora / co-autora lacita Azamor Pionti;

15h00 – Painel 2- “O Reflexo da Desigualdade de Gênero, Raça, Classe e Deficiência no Mundo do Trabalho e da Política” Mediadora: Maria Auxiliadora Budib – vice-presidente da Federação Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia (Região Centro-Oeste) e diretora de Assistência Saúde da CASSEMS;

Painelistas: Samara Pataxó – Advogada e servidora do TSE;

Tauá Lourenço Pires – Diretora de Incidência e Apoio à Mulher na Política do Instituto Alziras;

Anna Paula Feminela – Secretária Nacional de Pessoa com Deficiência do Ministério dos Direitos Humanos;

Danielle Olivares Corrêa – Procuradora do Trabalho da PRT15ª Região e coordenadora do COORDIGUALDADE;

17h00 – Encerramento

Segundo dia – 28 de junho

8h30 – Coffee Break e lançamento do livro Curso de Direito Processual Civil: Volume 3 – Tutela Executiva, dos autores Olavo de Oliveira Neto e Patrícia Elias Cozzolino de Oliveira;

9h00 – Painel 3 – “A Evolução da Paridade de Gênero no Sistema de Justiça Brasileiro” Mediadora: Mariana Yoshida – Juíza de Direito do Tribunal de Justiça de MS;

Palestrantes: Salise Sanchotene – Desembargadora Federal do TRF 4ª Região. Conselheira CNJ;

Rivana Ricarte – Defensora Pública, presidente da Associação Nacional das Defensoras e Defensores Públicos;
Ana Lara Camargo de Castro – Procuradora de Justiça do Ministério Público de MS;

Raquel Gallinati – Delegada de Polícia Judiciária. Diretora da ADEPOL Nacional;

Rejane Silva Sánchez – Vice-presidente da Comissão Nacional da Mulher, advogada da OAB;

11h00 – Intervalo de Almoço (Livre);

13h30- Painel 4- “A Construção dos Direitos das Mulheres” Mediadora: Silmara Amarilla -Doutora em Direito pela PUC-SP e diretora adjunta da Escola Judiciária do TER-MS;

Painelistas: Edilene Lôbo – Ministra do Tribunal Superior Eleitoral;

Maria Aparecida Gurgel – Vice-procuradora-geral do Trabalho;

Jaceguara Dantas da Silva – Desembargadora do Tribunal de Justiça de MS e ouvidora Auxiliar Regional da Mulher da Região Centro-Oeste (Portaria n° 84/2023-CNJ);

15h10 – Coffee break

15h30 – Palestra de Encerramento: “Igualdade, Paridade e Democracia” com Gabriela Prioli – Advogada, professora, apresentadora GNT;

16h30 – Apresentação da Carta do Congresso;

17h00 – Encerramento.

Serviço:

Evento: 2º Congresso Nacional e Estadual Mulheres pela Paridade (COMPAR)
Data: Dias 27 e 28 de junho
Horário: das 8h às 17h
Local: Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camillo
Endereço: Av. Waldir dos Santos Pereira, s/n – Parque dos Poderes
Inscrições: https://shre.ink/Doitycompar

CATEGORIAS:

Últimas Notícias

spot_img

Mais notícias

As Dez Mais

Quarta, 17 de julho de 2024. Hoje é o Dia de Santa Marcelina. Assim falou Maquiavel: “Povo que aceita passivamente a ‘corrupção e os corruptos’ não merece...

Operação Narco Golpe cumpre mandados de prisão e buscas contra traficantes interestaduais

A Delegacia de Repressão a Entorpecente de Mato Grosso deflagrou na terça-feira (16) a Operação "Narco Golpe" e cumpriu seis mandados judiciais de prisão...

As Dez Mais

Segunda, 15 de julho de 2024. Hoje é o dia nacional do pecuarista. Este programa será ouvido por gente que sabe que: “A vida que realmente vale...

Homem é agredido por enxadadas na Vila Palmira

Homem é agredido a enxadadas na Rua Jerusalém; Vila Palmira em Campo Grande. Segundo a vítima foi surpreendida por um desconhecido que estava com...