domingo, 14/07/2024

Homem é condenado por feminicídio de mulher trans em Cassilândia

Denunciado pelo MPMS, réu é condenado por feminicídio de mulher trans em Cassilândia. O Conselho de Setença do Tribunal do Júri do Município proferiu decisão significativa para a sociedade ao reconhecer a qualificadora de feminicídio no assassinato de uma mulher trans, condenando o réu a uma pena de 16 anos de reclusão.

Segundo o inquérito policial, em 14 de outubro de 2021 na cidade o réu, agindo de forma consciente e deliberada esfaqueou sua convivente, mulher transgênero, resultando em ferimentos fatais.

Após o homicídio o autor deixou a faca sob a cama e dirigiu-se a rodoviária local, onde comprou uma passagem para Cuiabá/MT. Deixando as chaves da moto e da casa da vítima com a funcionária de uma loja, no terminal de ônibus, tentando evitar a flagrância do delito, porém não impedindo que as autoridades o localizassem e o prendessem.

CATEGORIAS:

Últimas Notícias

spot_img

Mais notícias

Verdão negocia venda de Jhon Jhon para o Bragantino

O Palmeiras negocia a venda do meia Jhon Jhon ao Red Bull Bragantino. Revelado na base do Verdão, o jogador já tem uma proposta...

Incêndio atinge elevador na Loja Riachuelo do Centro de Campo Grande

Um princípio de incêndio foi registrado na loja Riachuelo, localizada na esquina da Avenida Barão do Rio Branco com a Rua 14 de Julho,...

Pais são presos após raptar filho do abrigo em MG

Um homem, de 38 anos, e uma mulher, de 45, foram presos suspeitos de sequestrar o próprio filho, em um abrigo de Belo Horizonte/MG....

Mais de 5 mil indígenas são atendidos durante a 4ª edição do MS em Ação: Segurança e Cidadania

Com foco na integração da segurança pública e da cidadania com a população, mais de 5.138 indígenas do município de Miranda tiveram seus direitos...