segunda-feira, 22/07/2024

Moinho Cultural lança Quarteto Legato, com músicos formados pela instituição

Quarteto tem o objetivo de levar o público a uma experiência imersiva, independente do repertório.

O Instituto Moinho Cultural Sul-Americano lançou o Quarteto Legato, uma iniciativa que abre espaço para os músicos em formação na instituição. O quarteto é totalmente formado por instrumentos de cordas.

Coordenador de Música do Moinho Cultural, Vinicius Klaus explica que o quarteto tem a intenção de levar o público a uma experiência imersiva, além de ser um espaço para aprimoramento dos músicos.

“O Quarteto faz parte do processo de ensino dos participantes de cordas da Instituição. Quando chegam em um momento de refinamento no estudo, é necessário passar por essa formação para aprimoramento sonoro e de repertório”, explica.

Uma das integrantes do quarteto é Maria Fernanda Castilha Costa, que tem 15 anos. No Moinho Cultural desde 2017, ela toca violino e conta que, apesar da preparação desde o início do ano para o lançamento do quarteto, ficou nervosa para a estreia. “Estava muito nervosa, mas eu fiquei feliz. Evoluí bastante desde que eu comecei a tocar violino e cheguei a esse nível de poder estar tocando aqui, de forma profissional”, conta a musicista.

Daniel Castilha Costa, 14 anos, é irmão de Maria Fernanda e também integra o quarteto, ao lado dela e de mais dois amigos. Ele entrou no Moinho Cultural com 7 anos e conta que passou pelo piano e pela flauta transversal, antes de se descobrir no violoncelo. Depois da primeira apresentação do Quarteto Legato, ele afirma que o objetivo é se aprimorar. “Vamos buscar sempre evoluir o máximo possível para chegar em outros patamares e alcançar outros lugares. Mostrar isso que a gente mostrou hoje, 10 vezes, 20, 30 vezes melhor. Em outros lugares”, disse o músico, após a apresentação, que aconteceu em Corumbá.

Marco Antonio Souza, 13 anos, afirma que tocar em um quarteto é uma experiência bem diferente de tocar em uma orquestra. “Na orquestra, tem várias pessoas com o mesmo naipe, aí no quarteto é você e você ali. Todo mundo está cuidando do que você estava tocando. Então mais essa preocupação”, relembra.

O quarto integrante é Pedro Henrique Caceto Aldama, de 17 anos. No Moinho Cultural desde 2019, ele resume como foi a estreia do quarteto. “O sentimento não é de prazer, é de conquista, porque nós nunca imaginamos um dia chegar neste patamar. Para nós, é um avanço e estamos sempre em busca de mais”, finaliza.

Entre os parceiros neste evento: Dolce Café, Casa Canastra, D’gustadora, Dream’s Burguer, vereador Roberto Façanha, Delícias da Vovó Si, vereador Manoel Rodrigues, vereador Alexandre Vasconcelos, Hora da Festa, vereador Daniel Brambila, presidente da Câmara Municipal – Ubiratan Canhete, Benesse Café, Grafika, Instituto Homem Pantaneiro (IHP), entre outros.

O Moinho Cultural conta com Patrocínio Master via Lei de Incentivo patrocínio master: Instituto Cultural Vale, patrocínio: LHG Mining, BTG Pactual, Too Seguros e Rede e Cia Parceria: Criança Esperança, J.Macêdo, Fecomércio – Sesc, Sicredi, Sebrae e Sesi, apoio cultural: Fundação de Cultural do Mato Grosso do Sul e Governo do Mato Grosso do Sul, parceria institucional: Prefeitura de Corumbá. Prefeitura de Ladário, Prefeitura de Puerto Suárez, Prefeitura de Puerto Quijarro, Instituto Homem Pantaneiro, IFMS, UFMS, Acaia Pantanal e outros doadores pessoa física e jurídica.

CATEGORIAS:

Últimas Notícias

spot_img

Mais notícias

Barroso mantém processo de privatização da Sabesp

Presidente do STF mantém processo de privatização da Sabesp. O Ministro Luís Roberto Barroso, presidente do STF, rejeitou pedido feito pelo PT para suspender...

Novo momento: Governo define economista Cristiane Schmidt na presidência da MSGÁS

O governador Eduardo Riedel, acompanhado dos secretários Jaime Verruck (Meio Ambiente e Desenvolvimento) e Rodrigo Perez (Governo e Gestão Estratégica), assinou na quarta-feira (17)...

Temperaturas voltam a subir em MS

Até logo, frio! Temperaturas voltam a subir e Capital deve registrar 30ºC durante a semana. Segundo o CEMTEC a previsão para a semana é...

Polícia recupera duas selas avaliadas em cinco mil reais em Ribas do Rio Pardo

Polícia esclarece furto e recupera duas selas avaliadas em 5 mil reais em Ribas do Rio Pardo. Na última segunda-feira (15), o gerente de...