quarta-feira, 7/06/2023

Potencial econômico de Campo Grande desperta interesse em países europeus

Campo Grande, 25/05/2023 às 20:38

O fortalecimento das relações comerciais e institucionais de Campo Grande tem sido uma das políticas públicas implementadas pela administração municipal. Neste sentido, a prefeita Adriane Lopes colocou a capital sul-mato-grossense novamente em destaque nesta quinta-feira, durante reunião com a Missão Diplomática da União Europeia. O resultado foi a indicação do interesse de investimentos por parte do setor empresarial europeu.

O encontro no Paço Municipal reuniu representantes da Lituânia, Portugal, Croácia, Dinamarca, Suécia, Bélgica, entre outros países. Na ocasião, a chefe do Executivo Municipal destacou os potenciais econômicos, turísticos e as principais vocações da cidade. As pontuações apresentadas chamaram a atenção de toda delegação e, de acordo com o embaixador da União Europeia, Ignacio Ybañez, empresários da Europa já têm Campo Grande na mira geográfica para novos investimentos.

“Recepcionamos nesta tarde a delegação da União Europeia e apresentamos o nosso potencial econômico, turístico, científico e também os serviços que aqui são ofertados. A partir dessa visita, novos negócios vão surgir, tendo em vista que Campo Grande é a Capital das Oportunidades. Para que isso se concretize, temos trabalhado dia a dia para desburocratizar processos e legislações, e fazer com que novos empresários venham para cá, além de fortalecer os empresários que já estão em nossa cidade”, destacou Adriane Lopes.

Com mais de 942 mil habitantes, Campo Grande ocupa hoje, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a 14ª posição entre as capitais mais populosas do país. Além disso, é uma das capitais mais seguras no ranking Smart Cities; recebeu por quatro anos consecutivos o selo Cidade Árvore, sendo uma das mais arborizadas do país; foi eleita a 7ª melhor Capital para se viver e também é a 1ª no Ranking de Serviços e Cidades Inteligentes.

“Tivemos uma reunião ótima com a Prefeita. Ela nos explicou como Campo Grande funciona e nos apresentou muitas coisas positivas e animadoras que estão ocorrendo nessa capital. Percebemos que ela acredita muito em desenvolver a cidade, e as conexões com outros países, nessas questões de corredores bioceânicos e as possibilidades, sem deixar de pensar nos programas sociais, Educação, Saúde e Segurança, que são elementos essenciais na vida do cidadão e também dos empresários”, pontuou Ybañez.

O que também despertou o interesse dos visitantes europeus foram os indicadores positivos de progresso e de desenvolvimento que o Parque Tecnológico, a Rota Bioceânica e as Rotas de Integração Latino-americana (RILAs) irão proporcionar para Campo Grande.

“O Parque Tecnológico e as Rilas irão proporcionar um novo tempo para Campo Grande e certamente vão mudar a matriz econômica da Capital. Serão novos investimentos, negócios e oportunidades para nossa Cidade”, ponderou Adriane, ao afirmar que a vinda de novos investimentos dos países parceiros fomentará o desenvolvimento de todos os envolvidos.

CRÉDITO: AGÊNCIA MUNICIPAL DE NOTÍCIAS

CATEGORIAS:

Últimas Notícias

Mais notícias

Fóssil de dinossauro traficado para Alemanha desembarca no Brasil

Com os nomes de "compensação de plantão" e "cumulação", os benefícios garantem até R$ 50,1 mil mensais líquidos a alguns membros do MPEAuxílio-alimentação, transporte,...

DPCOM da PMMS realiza 1ª edição do Curso de Capacitação do Programa Mulher Segura em Costa Rica

Campo Grande (MS) - A DPCOM (Diretoria de Polícia Comunitária e Direitos Humanos) realizou na última semana (29/05 a 02/06) a 1ª edição do...