domingo, 14/07/2024

TCE-MS participa da 12ª Feira Socioambiental de Bonito

O Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul (TCE-MS) marcou presença na 12ª Feira Socioambiental de Bonito, representado pelo engenheiro sanitarista e ambiental Ruhan Charles da Silva Lima. Durante o evento, o servidor ministrou a palestra “Avanços e Desafios da Gestão de Resíduos Sólidos no Estado de Mato Grosso do Sul” em uma mesa-redonda que debateu os desafios da gestão integrada de resíduos sólidos na capital do ecoturismo.

Além do representante do TCE-MS, a mesa-redonda contou com a participação do secretário municipal de meio ambiente de Bonito, Thyago Sabino; do diretor de engenharia e meio ambiente da Sanesul, Leopoldo Godoy; da presidente do Conselho Municipal de Meio Ambiente, Marla Diniz; da especialista em projetos da Eureciclo, Indara da Silveira; e da consultora da Ciclo Azul, Lívia Cordeiro.

Durante a apresentação, Ruhan Lima apresentou um panorama detalhado da gestão de resíduos sólidos no Estado, destacando os principais indicadores municipais, especialmente aqueles relacionados à destinação final adequada e à existência de coleta seletiva de materiais recicláveis. Ele também compartilhou boas práticas observadas no Estado, particularmente no campo da educação ambiental, que é a principal temática da feira.

Os dados apresentados na palestra estão documentados no livro técnico lançado pelo TCE-MS em março de 2024, fruto de um levantamento realizado in loco nos 79 municípios de Mato Grosso do Sul, proporcionando uma visão detalhada dos progressos e desafios na implementação da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) no Estado.

“As discussões da mesa foram abrangentes, cobrindo desde a situação local em Bonito, a compostagem de resíduos orgânicos gerados na região, até os avanços na logística reversa de embalagens, que têm viabilizado a reciclagem do vidro em Bonito e no estado, anteriormente destinado somente aos aterros sanitários”, comentou Ruhan Lima.

A 12ª Feira Socioambiental de Bonito, um marco anual na agenda ambiental do Estado durante o mês de junho, foi organizada pela Prefeitura Municipal de Bonito e pelo Instituto das Águas da Serra da Bodoquena (IASB). O evento ocorreu entre os dias 10 e 12 de junho, oferecendo visitas, palestras, oficinas e apresentações culturais. A feira atraiu turistas, a comunidade local, e principalmente estudantes de escolas públicas e particulares de Bonito, tanto da área urbana quanto rural, além de visitantes de cidades vizinhas.

CATEGORIAS:

Últimas Notícias

spot_img

Mais notícias

Projeto leva arte e reflexão a detentas em Campo Grande por meio do cinema

O projeto "Conversas com Cinema" está ajudando a transformar vidas dentro do Estabelecimento Penal Feminino de Regime Semiaberto e Aberto de Campo Grande. Idealizada...

PF apreende 305 kg de maconha em embarcação no Paraná

Polícia Federal efetuou a prisão de um comandante de uma embarcação, carregada com 305 kg de maconha após sua travessia irregular no rio Paraná. Os...

Boletim Epidemiológico: MS registra 14.033 casos confirmados de dengue

Mato Grosso do Sul já registrou 19.636 casos prováveis de Dengue, sendo 14.033 casos confirmados em 2024, de acordo com dados do boletim da...

Focos ativos na região de Maracangalha, no Pantanal de MS, mobilizam bombeiros e brigadistas

Novos focos ativos na região de Maracangalha, no Pantanal de Mato Grosso do Sul, mobilizaram bombeiros e brigadistas para combater surgimento de incêndios de...