quinta-feira, 23/05/2024

Gestores da CGE-MS fazem balanço de 2023 e destacam que ano foi de muitas entregas

Os gestores da CGE-MS (Controladoria-Geral do Estado de Mato Grosso do Sul), Carlos Eduardo Girão de Arruda (controlador-geral) e Marina Hiraoka Gaidarji (controladora-geral Adjunta), fizeram uma análise dos trabalhos desenvolvidos pelas equipes da instituição para o fechamento da série #Retrospectiva2023.

Conforme Girão, “o ano se encerra com muito aprendizado e entregas. Novos desafios colocados ao nosso corpo técnico foram vencidos. Outro apontamento importante é termos fechado 2023 com a alteração da estrutura da CGE-MS aprovada e, com isso, novos patamares deverão ser alcançados no próximo ano para o fortalecimento e evolução da equipe e da própria gestão pública”, revela o controlador-geral.

Ele lembra dos ganhos da CGE-MS com o ingresso de novos auditores, aproximadamente há um ano, aprovados em concurso público, e que contribuíram para atender a demanda de trabalho e algumas alterações na forma de executar procedimentos específicos.

O controlador-geral assegura que a admissão foi uma grande conquista da instituição. “Com a turma de auditores aprovada no ano passado, tivemos novo fôlego na nossa rotina de trabalho e adequações necessárias. Como somos um órgão intensivo em mão-de-obra, então, o nosso capital humano é nosso maior ativo e deve sempre passar por capacitações fundamentais para crescimento profissional adequado a fim de atender as demandas que surgem”, conta o gestor.

Marina Gaidarji comenta que a instituição vem “em um processo de amadurecimento, desde 2016, com a publicação da Lei Complementar 230, assumindo além da Auditoria que já realizávamos, o acréscimo de duas outras macro funções: Ouvidoria e Corregedoria. E, agora, em 2023, o avanço do órgão será ainda maior em relação à oficialização da atividade de Governança e Compliance”, afirma a gestora.

Com esta nova estruturação, a atividade de expandir o programa de Integridade com abordagem em outros escopos de riscos ganha uma grande importância porque auxiliará os gestores em relação à governança, às melhorias dos processos de gestão exercendo uma atividade realmente de consultoria, atuando em parceria e com transversalidade com as equipes de outras pastas nas quais possuem representantes nas unidades Setoriais e Seccionais do Sistema de Controle Interno, cooperando com uma efetividade ainda maior na busca por melhoria da gestão pública.

O gestor da pasta acrescenta que: “Indiscutivelmente houve uma melhoria significativa nos processos realizados pela Auditoria-Geral do Estado. Além disso, buscamos, incessantemente, evoluir dentro da certificação do IA-CM [Modelo de Capacidade de Auditoria Interna] nos adequando para sermos avaliados por equipes a serem enviadas pelo Banco Mundial nos próximos meses. Temos percebido um amadurecimento profissional muito grande com todas as equipes envolvidas no processo”, diz o controlador-geral.

Girão comenta sobre as ações executadas por outro pilar da instituição: a Ouvidoria. “Continuamos com um trabalho exitoso com o sucesso do projeto Estudantes no Controle, de conscientização dos cidadãos futuros, alcançando novos municípios de MS, conseguindo aumentar o número de escolas atendidas e com o envolvimento cada vez maior da SED [Secretaria de Estado de Comunicação]. Também estamos na construção do novo Portal da Transparência, no qual temos o objetivo de deixá-lo mais acessível e de fácil manuseio para a população e uma das nossas maiores conquistas foi a manutenção, consecutiva, do selo “diamante” em referência à transparência da gestão pública”, relata.

Já a controladora-geral Adjunta complementa: “Na área de TI [Tecnologia da Informação], temos novos processos de conferência de automatização de rotinas para identificar eventuais faltas de conformidades em lançamentos para correção o que auxilia muito nos trabalhos que desenvolvemos, principalmente, no atendimento de demandas de outras pastas”, afirma Marina.

O controlador-geral acrescenta que as ações referentes aos trabalhos da Corregedoria “têm atingido um nível de excelência tanto na parte dos nossos processos – disciplinares e de responsabilização – quanto na implantação e execução do e-PAD [ferramenta informatizada destinada à sistematização de atividades correicionais junto às Unidades Setoriais e Seccionais do Sistema de Controle Interno], sendo um dos Estados mais avançados do Brasil”, destaca Girão.

Marina relembra duas temáticas que tiveram um marco significativo em 2023. “Primeiro a consolidação da CGE-MS, no Conaci [Conselho Nacional de Controle Interno], onde conseguimos sediar o XIX Encontro Nacional da entidade, pela primeira vez, sendo um evento extremamente rico em relação a conteúdo e inovações. Segundo, o expressivo fortalecimento do Sistema de Controle Interno, com uma aproximação maior junto aos responsáveis das unidades Setoriais e Seccionais”, menciona a Adjunta da Controladoria-Geral de MS.

Os gestores falam das expectativas para o próximo ano. “Nossas perspectivas para 2024 realmente é que a CGE de Mato Grosso do Sul atue de maneira, cada vez mais, efetiva, próxima e proativa”, conclui Marina. Girão complementa e finaliza: “No auxílio das melhorias dos serviços públicos prestados pelo Estado colaborando e apoiando os gestores de uma maneira geral. Teremos muito trabalho e novidades, mas com a certeza de que a equipe está determinada e animada para 2024”.

Últimas Notícias

spot_img

Mais notícias

Novas indústrias e vagas abertas em MS transformam “chão de fábrica” em cenário para milhares de oportunidades

Em pleno emprego, Mato Grosso do Sul é terra de oportunidades para homens e mulheres que buscam no trabalho uma mudança de vida. Com...

Tragédia no Rio Grande do Sul: Deputados lamentam desinformação e elogiam solidariedade

A tragédia que atingiu o Rio Grande do Sul provocou muita dor, mas também gerou um intenso sentimento de solidariedade entre os brasileiros. Na...

Mensagens de celulares revelam esquema de luxúria na Capital bancada por corrupção

Dizem que a listagem dos contatos recuperados demorou. Além de gerar verdadeiro catálogo com inúmeras garotas de programa, cafetinas e cafetões que atuam na...

Gabigol é multado por usar a camisa do Corinthians.

Gabigol é multado por usar a camisa do Corinthians. O supervisor que aparece em foto recebe advertência. De acordo com o comunicado do Flamengo,...