sábado, 18/05/2024

Neno Razuk exalta trabalho da Polícia Civil de MS e solicita ao Governo cumprimento de Carta Compromisso do Sinpol

Na volta aos trabalhos legislativos o deputado estadual Neno Razuk (PL) exaltou o trabalho da Polícia Civil de Mato Grosso do Sul e ressaltou a importância da valorização dos delegados e policiais do Estado e solicitou por meio de indicação enviada ao Secretário de Segurança Pública Carlos Videira e ao governador Eduardo Riedel, que sejam cumpridas mesmo que gradualmente os pontos destacados na Carta Compromisso assinada por todos os candidatos durante a campanha.

“Temos que debater na Casa de Leis a necessidade de melhor valorização da polícia civil, por meio de aumento na remuneração e que seja compatível com o nível superior da categoria, buscando um reajuste linear e escalonado, que inclua os aposentados. Nossa polícia é reconhecidamente a mais eficaz do país, com altos índices de resolução de crimes, em especial homicídios, ainda assim a classificação salarial de nossos policiais está em 21º lugar no ranking nacional, destacou o deputado.

Para o parlamentar é urgente que se atenda, mesmo que de forma gradual, as solicitações do Sindicato dos Policiais Civis de MS e também da Associação dos Delegados de Polícia do Estado. “É preciso sanar o grave déficit na valorização e reconhecimento do desempenho dos nossos policiais. Sabemos que temos localização geopolítica de fronteira com algumas cidades do Paraguai e Bolívia, isso implica ainda na maior importância da força tática e investigativa das polícias, para atuação na repressão e combate ao crime organizado e ao tráfico de drogas”, pontuou ainda lembrando que a Polícia Civil não é só repressiva.

“Aqui temos uma estrutura complexa, que reflete em excelentes números estatísticos nacionais. É preciso ressaltar ainda a importância da segurança pública nas diretrizes estaduais de desempenho e empenho de investimentos, que devem ser compatíveis com seu desempenho e necessidades. Por isso, frisamos tanto para o Secretário de Segurança quanto para o governador Eduardo Riedel às solicitações da categoria dos polícias investigadores e escrivães, que foram dispostas na Carta Compromisso assinada pelo nosso Governador durante a campanha”, finalizou.

CATEGORIAS:

Últimas Notícias

spot_img

Mais notícias

Dupla que matou adolescentes por engano no Dom Antônio planeja outro atentado na Capital

Dupla que matou Aysla Carolina de Oliveira Neitzke e Silas Ortiz de 13 anos por engano planejavam outro atentado no Dom Antônio em Campo...

Potencial produtivo, sustentabilidade e tecnologias marcam VI Fórum de Desenvolvimento da Suinocultura de MS

Mais de 800 pessoas entre produtores rurais, técnicos e empresários do agro estiveram reunidos em Dourados, para participar do VI Fórum de Desenvolvimento da...

Circulando por dois bairros, fumacê reforça combate ao Aedes 

O combate ao mosquito Aedes Aegypti, transmissor de arboviroses como Dengue, Zika e Chikungunya, será reforçado em dois bairros de Campo Grande, com o...

Semana começa com Funtrab oferecendo 3.899 vagas de emprego em todo o Mato Grosso do Sul

Pujante economicamente, Mato Grosso do Sul é um dos poucos estados brasileiros praticamente em nível de pleno emprego - taxa onde a desocupação da...