sábado, 13/04/2024

PORTO MURTINHO: Nelson Cintra garante piso nacional dos professores retroativo a janeiro

Nelson Cintra garante piso nacional dos professores retroativo a janeiro

Os professores da rede municipal de ensino de Porto Murtinho terão o reajuste dos salários conforme o índice do piso nacional fixado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva – de 3,62% -, a contar de janeiro deste ano. A garantia foi dada pelo prefeito Nelson Cintra em reunião com a diretoria do SIMTED municipal e sua comissão de negociação.
Na oportunidade, ao reconhecer o índice, o prefeito anunciou que a aplicação do novo piso será feita mediante norma do município após aprovação pela Câmara de Vereadores, com pagamento do retroativo (janeiro/março) na folha de abril. Presente à reunião, a secretária municipal de Educação, Rita de Cássia Padilha, informou que o município honrou o índice nos últimos três anos.

Climatização das escolas
“Hoje o salário dos nossos professores está equiparado à maioria dos municípios do Estado”, disse a secretária, acrescentando que a valorização dos professores da educação básica de Porto Murtinho pelo prefeito Nelson Cintra vai muito além dos vencimentos. “O respeito à categoria inclui os investimentos em tecnologia, capacitação e condições de trabalho”, disse.
Conforme Rita de Cássia, o município instituiu, nos últimos anos, as jornadas ampliadas, climatizou e reformou todas as escolas da rede municipal, distribui kits escolares e uniformes aos alunos e proporciona merenda de qualidade. Também reformou e ampliou as escolas nas aldeias indígenas e rurais, incluindo construção de salas de aulas e quadras de esportes.

Nelson Cintra garante piso nacional dos professores retroativo a janeiro

Portaria do MEC
Além do prefeito Nelson Cintra e a secretária de Educação, Rita de Cássia Padilha, participaram da reunião com o SIMTED de Porto Murtinho, os secretários municipais de Planejamento e finanças, Marly Norimy Miyaki, e de Administração Jeferson Regi Ferreira. Presentes também a procuradora-geral do município, Bethânia do Prado Ferreira Figueredo Michelon, e a assessora jurídica Sandra Valeria Mazucato Grubert.
O reajuste anual do piso salarial nacional para os profissionais do magistério público da educação básica foi definido pela Lei n. 11.738/2008. Todos os anos, cabe ao Ministério da Educação realizar os cálculos do índice de reajuste e publicar a portaria com os novos valores. O novo piso nacional – R$ 4.580,57, com jornada de ao menos 40 horas semanais, foi fixado por meio da portaria nº 61/2024, em 31 de janeiro.

CATEGORIAS:

Últimas Notícias

spot_img

Mais notícias

Lei: Campanha Maio Verde dedicada à conscientização sobre a doença celíaca

Mato Grosso do Sul passa a ter em seu Calendário Oficial de Eventos o Mês de Conscientização sobre a Doença Celíaca, denominado Maio Verde....

Dupla é presa com armas de fogo em MS

Dupla é presa porte ilegal de arma de fogo e moto adulterada em Ivinhema. Policiais ouviram disparos de tiros no Bairro Vitória em direção...

Concretagem da ponte sobre o Rio Paraguai em Corumbá inicia às 17h deste sábado

A partir das 17h deste sábado (13), terá início a primeira etapa da concretagem na obra de recuperação da ponte sobre o Rio Paraguai,...

Saúde e PM de MS firmam convênio que beneficia praticantes de equoterapia

Com o foco na promoção da saúde e inclusão, a SES (Secretaria de Estado de Saúde) e o Centro de Equoterapia da PMMS (Polícia...