sexta-feira, 19/04/2024

TJ distribui no segundo grau quase 98 mil processos em 2023 e cumpre meta do CNJ

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul divulgou os números referentes à distribuição e ao julgamento de processos na 2ª instância ao longo do ano de 2023. De acordo com os dados fornecidos pela Secretaria do TJMS, foram distribuídos no 2º Grau um total de 97.864 processos, dos quais 79.074 corresponderam a casos novos e 18.790 foram recursos internos.

No que diz respeito ao julgamento, foram concluídos 98.336 processos, sendo 16.466 decisões monocráticas e 81.870 julgamentos realizados por colegiado. Dentre os casos julgados pelo colegiado, 68.191 foram por meio do julgamento virtual e 13.679 ocorreram de forma presencial ou telepresencial.

É importante ressaltar que o percentual de julgados em relação aos processos distribuídos foi de 100,48%, indicando um esforço significativo para dar celeridade à tramitação dos casos. Além disso, o TJMS alcançou 102,92% da Meta 01 estabelecida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para 2023, demonstrando um desempenho acima do esperado.

No que se refere às sustentações orais realizadas pelos advogados, foram registradas 1.315 ao longo do ano. Também foram realizadas 258 sessões de julgamento durante esse período.

Em relação ao acervo de processos, o 2º grau iniciou o ano de 2023 com 13.871 processos pendentes e encerrou o ano com 12.546 processos em andamento, indicando uma redução no volume de casos em tramitação.

No que diz respeito às classes processuais mais distribuídas, as apelações cíveis lideraram o ranking, com 34.545 casos, seguidas pelos agravos de instrumento, com 21.959 casos, e os embargos de declaração, com 15.505 casos. Na área criminal, as classes com maior distribuição foram as apelações, com 8.308 casos, e os habeas corpus, com 3.895 casos.

É importante ressaltar que os dados fornecidos se referem às Câmaras, às Seções e ao Órgão Especial, excluindo a Presidência e a Vice-Presidência.

O desempenho do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul em relação à distribuição, julgamento e cumprimento de metas estabelecidas pelo CNJ reflete o compromisso em promover a eficiência e a celeridade na prestação jurisdicional, buscando assegurar a justiça para a população do Estado.

CATEGORIAS:

Últimas Notícias

spot_img

Mais notícias

NIOAQUE: Comunidades Indígenas garantem mais de 100 novas casas no municipio.

Nioaque está dando um passo significativo em direção ao progresso habitacional para suas comunidades indígenas! Mais de 100 novas casas serão construídas por meio...

 Jiboia adulta e filhote são resgatadas em bairros da Capital

A GCCO e a GCM resgataram uma jiboia adulta e outra filhote em bairros de Campo Grande. A primeira os vizinhos avistaram um jiboia...

Qualidade técnica do Lacen de Mato Grosso do Sul é destaque na Anvisa

O Lacen MS (Laboratório Central de Saúde Pública de Mato Grosso do Sul) da SES (Secretaria de Estado de Saúde) recebeu nesta terça-feira (16)...

Policiais Penais impedem lançamento de drogas para o presídio masculino

O trabalho atento dos policiais penais foi crucial para frustrar uma tentativa de introdução de drogas no Estabelecimento Penal Masculino de Corumbá, no fim...