sábado, 20/04/2024

TJMS concentra 98% dos magistrados e 90% dos servidores em trabalho presencial

Desde o momento que assumiu a gestão do Poder Judiciário de Mato Grosso do Sul, o presidente do Tribunal de Justiça, Des. Sérgio Fernandes Martins, colocou entre suas metas iniciais o retorno em massa dos magistrados e servidores que até então estavam em teletrabalho. Hoje são apenas 341 servidores nesta modalidade de trabalho, o que corresponde a 9,5% do total. 

O impulso para o início da volta ao trabalho presencial começou já no primeiro mês da gestão do biênio 2023/2024, com publicação da Portaria nº 2.580, que revogou as decisões administrativas que autorizaram o regime de teletrabalho integral e parcial no Poder Judiciário de Mato Grosso do Sul. Desde sua posse, o Des. Sérgio Fernandes Martins ressaltou a necessidade da presença de juízes nas comarcas no atendimento aos jurisdicionados e aos advogados, além da limitação da liberação para o serviço telepresencial em cumprimento à norma do Conselho Nacional de Justiça, de no máximo 30% nesta modalidade de trabalho.

Deste modo, segundo dados levantados pela Secretaria de Gestão de Pessoas, do total de serventuários do Poder Judiciário de MS houve uma redução de 884 servidores, o que correspondia a 25%, em fevereiro de 2023, para apenas 341 (9,5%) que ainda estão em teletrabalho em janeiro de 2024, e, consequentemente, 90,5% trabalhando presencialmente. Nas comarcas do Estado, atinge-se a marca de 99% dos servidores de cartórios e apoio administrativo no trabalho presencial. Já em relação aos magistrados, apenas quatro permanecem em regime de teletrabalho, de forma que 98,18% dos juízes estão judicando de seus gabinetes.

Esses resultados demonstram a dedicação de magistrados e servidores do Poder Judiciário de MS para uma prestação jurisdicional eficiente e eficaz, em cumprimento a um dos pilares da administração do biênio 2023/2024, qual seja, a busca de melhoria no atendimento e na satisfação de jurisdicionados e advogados.

CATEGORIAS:

Últimas Notícias

spot_img

Mais notícias

Associação de agricultura familiar de Coxim pode ser declarada de utilidade pública

Começou a tramitar na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS) o Projeto de Lei 79/2024, que declara a utilidade pública da Associação de...

MS participa de encontro do Codesul para definir estratégias visando o desenvolvimento regional

O Codesul realizou na segunda-feira (15) o seminário de avaliação dos dados da quarta etapa do planejamento estratégico do projeto Visão Regional 2040. O...

Diversificação de culturas cresce em MS, com aumento na produção de amendoim, mandioca, arroz e feijão

A diversificação de culturas nos campos sul-mato-grossenses apresenta resultados significativos. Produtos como amendoim, mandioca, arroz, feijão e algodão ganham espaço nas lavouras e ampliam...

AQUIDAUANA: CMEI Ademir Brites realiza atividades em comemoração ao Dia dos Povos Indígenas.

Dos dias 15 a 19 de abril, no CMEI Vereador Ademir Brites, estão sendo realizadas diversas atividades em alusão ao dia dos Povos Indígenas,...