sábado, 20/04/2024

Chapadão do Sul é referência em acessibilidade com a criação do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência

Na tarde de ontem, 25, no Paço Municipal de Chapadão do Sul, um importante marco foi estabelecido, O prefeito João Carlos Krug juntamente com a secretária de assistência social Maria das Dores Zocal Krug, deram a posse dos membros que irão compor o Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência (CMDPD). Essa cerimônia oficializou o início do primeiro mandato deste conselho, criado pela Lei Municipal nº 1.369 em 12 de julho de 2023, demonstrando o compromisso da administração com a inclusão e a garantia dos direitos das pessoas com deficiência no município.

A cidade tem se destacado por sua constante dedicação em proporcionar uma infraestrutura e um ambiente social inclusivo para todos os cidadãos, tornando-se um exemplo a ser seguido por outras localidades.

O Prefeito João Carlos Krug reiterou o compromisso da cidade em ser um modelo de acessibilidade e inclusão. “Chapadão do Sul está empenhada em continuar sendo referência para outros municípios, e o CMDPD é um instrumento essencial para alcançarmos esse objetivo”, enfatizou o prefeito.

A criação do CMDPD representa mais um grandioso passo nessa jornada, consolidando a busca da administração em garantir os direitos e a plena participação das pessoas com deficiência em todas as esferas da sociedade.

A Secretária de Assistência Social, Sra. Maria das Dores, destacou o impacto positivo que o conselho terá na promoção dos direitos das pessoas com deficiência. “Estamos trabalhando incansavelmente para garantir que Chapadão do Sul seja um lugar onde todos tenham igualdade de oportunidades e acesso aos seus direitos fundamentais”, afirmou a secretária.

A vereadora Almira, idealizadora do CMDPD, ressaltou a importância da iniciativa para a cidade e para a região. “A criação desse conselho é um passo significativo para tornarmos nossa comunidade mais inclusiva e acessível, servindo de inspiração para outras localidades”, declarou a vereadora.

Chapadão do Sul continua sua trajetória como referência em acessibilidade e inclusão, demonstrando que a criação do CMDPD é mais do que um passo administrativo, é um compromisso concreto com a construção de uma sociedade mais justa e igualitária para todos os seus cidadãos.

CATEGORIAS:

Últimas Notícias

spot_img

Mais notícias

Polícia Civil anuncia a abertura das inscrições para o 11º Acampamento para Agentes de Segurança Pública (A.S.P.)

A Polícia Civil comunica que estão disponíveis as inscrições para o 11º Acampamento para Agentes de Segurança Pública (A.S.P.), a ser realizado em Campo...

“Mulas” do tráfico são presos na Rodovia Raposo Tavares/SP.

"Mulas" do tráfico são presos na Rodovia Raposo Tavares/SP. Oito Bolivianos tentavam entrar no país com cápsulas inseridas por um ônibus de passageiros em...

Senado aprova tipificação do crime de zoofilia

Comissão de Meio Ambiente (CMA) aprovou hoje (17) a tipificação do crime de zoofilia. O PL 1.494/2021, da Câmara dos Deputados, recebeu relatório favorável...

DOURADINA: Prefeitura publica processo seletivo.

A Prefeitura Municipal de Douradina publicou no Diário Oficial do Município na última quarta-feira (17), abertura de processo seletivo para motorista do Conselho Tutelar. Todas...