quinta-feira, 20/06/2024

Sul-mato-grossense é condenado a prisão por atos de vandalismo e invasão na Praça dos Três Poderes.

O STF condenou o bolsonarista Diego Eduardo de Assis Medina a 17 anos de prisão em regime fechado e ao pagamento de R$ 30 milhões por atos de vandalismo e invasão na Praça dos Três Poderes. O relatório do ministro Alexandre de Moraes foi aprovado pelo placar de 7 a 3.

O sul-mato-grossense ao gravar imagens nas redes sociais se condenou pelos ataques terroristas contra a posse do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). O Ministério Público Federal conseguiu incluir no Ação Penal 1.062 imagens de Medina festejando a depredação dos poderes em Brasília.

CATEGORIAS:

Últimas Notícias

spot_img

Mais notícias

Programação do 22º Arraial de Santo Antônio de Campo Grande desta sexta-feira

O terceiro dia de atividades da tradicional Festa Junina da Prefeitura de Campo Grande está repleto de atrações para toda a família. O evento...

Governador Riedel e Caravina fazem entregas e anunciam novos investimentos para Bataguassu

Com investimentos na área da educação e infraestrutura, que somam mais de R$ 15 milhões, o Governo do Estado entregou importantes equipamentos e inicia...

Polícia Civil deflagra a Operação Virtude que visa garantir direitos dos idosos em Costa Rica

A Polícia Civil deflagrou a Operação Virtude ontem (18), que visa garantir que todos os direitos dos idosos estejam sendo respeitados e cumpridos em...

Exportações do Agronegócio Brasileiro atingem mais de US$ 15 bilhões em maio

Exportações do Agronegócio Brasileiro atingem mais de US$ 15 bilhões em maio de 2024. Esse resultado correspondeu a 49,6% das exportações totais do Brasil....